20/02/2017

Feliz Carnaval!

Chegou o carnaval, 
festa pagã, mas que é também,
uma linda festa cultural,
antigamente tinham,
lindas alegorias 
criando belas marchinhas.
Famílias se reuniam para dançar, 
tempos que eram só para alegrar!
"A Turma do Funil", "Abre Alas",
"Allah-La-Ô" em grande
"Balancê" " Apaga a Vela"
chegou a"Linda Morena"
a "Linda Lourinha", 
a "Mulata ie,ie,ie",
"A Mulata é a tal", 
"Flor Tropical", tem também,
"A Chiquita Bacana"!
"Sabe Lá o Que é Isso" ?
E mais, sair "Sassaricando" por aí!
"Tai", eu fiz tudo para te atrair,
aqui para o meu espaço, 
ler minha escrita!
Desejo à todos,
bons dias carnavalescos!

Ivone.

10/02/2017

Vale a pena sonhar!

Momentos de crises financeiras,
são esses que instigam 
as pessoas a sonharem, planejarem,
exercerem a coragem. 
São momentos de viagens mentais,
emocionais, boa navegação 
nos braços da imaginação!
Não tentar brilhar mais do que as outras pessoas, 
mas dar azo para que elas possam 
se manifestarem em suas verdadeiras naturezas.
A alma precisa de espaço, 
para poder funcionar como coadjuvante! 
Sem querer ser o centro, 
chega-se ao centro, 
sem querer vencer os outros, se vence,
pois o mais difícil é vencer a si mesmo!
Vaidade é ilusão, 
sem vaidade se consegue colaboração. 
O segredo do sucesso é a não acomodação.
Avance, siga, atreva-se, 
hoje é o dia da tomada de decisão.
Vai, você consegue,
não deixe o medo te paralisar,
 se nascestes, 
só pode ter sido para brilhar!
Vale a pena sonhar!

Ivone.






07/02/2017

Minha Vida bem querida!

Os meus pensamentos genuínos,
de minha mente criativa, 
são os que não compartilho,
não os comento, nem os dou por 
serem os principais 
que me fazem empreender, 
seguir em frente, fazer acontecer!
Pensar direito, 
sentir o efeito, 
perguntar a mim mesma
o que quero pra valer!
Ver os prós e os contras,
as vantagens e desvantagens
quantas pessoas envolvidas,
se elas serão beneficiadas ou não.
Mas de tudo o que até aqui
me fez sentir,
que vale a pena sonhar, 
é poder compartilhar
depois de os realizar!
Pois de nada adianta 
ter sem poder fazer as pessoas
sentirem que
estão dentro dos sonhos sonhados,
alegrias de poder
dizer que a paz está exatamente
nisso, ser feliz com todos
os que fazem parte de nossas vidas!
Há os que fazem parte de minha Vida,
que é bem querida!

Ivone.




03/02/2017

Mitos e Deuses.

A Eneida de Virgílio, 
A Ilíada de Homero, 
dizem sobre Enéias, 
o que enfrentou Aquiles 
e foi libertado por Poseidon 
o deus dos mares.
Enéias foi o mais famoso chefe troiano,
filho de Afrodite e Anquises,
mas também tem Ascânio 
que por sua vez ,como neto
de Anquises, fez bom papel
na Guerra de Troia,
depois de Heitor, o melhor guerreiro
que teve e entrou para a Estória.
Ascânio foi ascensor da fundação
de Roma, avô de Remo e Rômulo!
Eis mais uma inspiração
para o próximo poema.
Amar escrever essas coisas de deuses
me dão aceleração cerebral
e me mantém em bom astral!
Mitos, deuses, Troia,
eis que são lindas Estórias,
assim com "E" e não "H",
porque não se pode comprovar!

Ivone.

















29/01/2017

Como Nossos Pais
Elis Regina

"Não quero lhe falar
Meu grande amor
Das coisas que aprendi
Nos discos
Quero lhe contar como eu vivi
E tudo o que aconteceu comigo

Viver é melhor que sonhar
Eu sei que o amor
É uma coisa boa
Mas também sei
Que qualquer canto
É menor do que a vida
De qualquer pessoa

Por isso cuidado, meu bem
Há perigo na esquina
Eles venceram e o sinal
Está fechado pra nós
Que somos jovens

Para abraçar seu irmão
E beijar sua menina na rua
É que se fez o seu braço
O seu lábio e a sua voz

Você me pergunta
Pela minha paixão
Digo que estou encantada
Como uma nova invenção
Eu vou ficar nesta cidade
Não vou voltar pro sertão
Pois vejo vir vindo no vento
Cheiro de nova estação
Eu sinto tudo na ferida viva
Do meu coração

Já faz tempo
Eu vi você na rua
Cabelo ao vento
Gente jovem reunida
Na parede da memória
Essa lembrança
É o quadro que dói mais

Minha dor é perceber
Que apesar de termos
Feito tudo o que fizemos
Ainda somos os mesmos
E vivemos
Ainda somos os mesmos
E vivemos
Como os nossos pais

Nossos ídolos
Ainda são os mesmos
E as aparências
Não enganam não
Você diz que depois deles
Não apareceu mais ninguém

Você pode até dizer
Que eu tô por fora
Ou então
Que eu tô inventando

Mas é você
Que ama o passado
E que não vê
É você
Que ama o passado
E que não vê
Que o novo sempre vem

Hoje eu sei
Que quem me deu a ideia
De uma nova consciência
E juventude
Tá em casa
Guardado por Deus
Contando o vil metal

Minha dor é perceber
Que apesar de termos
Feito tudo, tudo
Tudo o que fizemos
Nós ainda somos
Os mesmos e vivemos
Ainda somos
Os mesmos e vivemos
Ainda somos
Os mesmos e vivemos
Como os nossos pais."

Com será que ela estaria hoje?
Cantando o quê?
Pois pelo jeito não mudou muito,
Ainda se "...Tá em casa/Guardado por Deus/
Contando o vil metal..."
"...Ainda somos/ Os mesmos e vivemos/
Como os nossos pais."
Vivi um tempo em que, 
embora tudo fosse mais difícil, 
ainda podíamos dizer
que havia alguma coisa para se inspirar!
A alma, ah, essa que nunca se engana,
é "nela" que me apego,
é "ela" que me guia, me dá a alegria
de poder continuar! 
Amo poder recordar, sentir as energias
das coisas boas que inspiraram
artistas imortais!
Transcendentalismo,
transcendo e sinto, vivo, percebo
trago aqui para poder 
não perder o momento!

Ivone.


26/01/2017

Eclético.

Entender todos os prós
e os contras de uma determinada questão,
ter uma opinião embasada em tudo,
vendo o todo, o que há de bom ou ruim,
sem um único ponto de vista,
isso é ser eclético. 
Ah, como seria bom, poder encontrar
os que não são os donos da razão. 
Sentir a vida, gostando de tudo, 
amando tudo, mesmo que nem sequer seja
algo que se acomode, mas que dê comodidade 
sem ser de exploração dos bens de seus irmãos!
Seria tão bom, tudo de acordo com 
o respeito e a consideração!
Ah, seria tão bom, mas não é assim,
viver tem de se ter uma pré-disposição
em compreender, em perdoar, 
em aceitar as diferenças!
Nada é igual, nenhum ser é igual,
entender essa complexidade
nos dá a capacidade de seguir
sem muitos atritos, sem muito sofrer,
sem muito fingir!

Ivone.


22/01/2017

Ponto, deus mitológico grego.

Deus do alto mar, do mar aberto,
das profundezas!
Hesíodo escreveu em sua Teogonia,
(Genealogia dos Deuses) um poema mitológico
com mais de mil versos sobre a origem do mundo
que se desenvolve com geração sucessiva dos deuses,
na parte final ele descreveu o envolvimento 
destes com os homens originando assim os heróis, 
divindades misturadas com humanidade!
Todos sabem que Mitologia mostra 
aspectos básicos da natureza humana,
expressando ideias dos primeiros gregos
sobre a constituição do universo.
Ponto, deus grego, é a água primordial,
unido a Gaia gerou Nereu,
deus marinho primitivo representado 
como um idoso, o velho do mar.
Toda a natureza marinha tem seus deuses,
cada qual com suas características,
as maravilhas, os aspectos perigosos, 
as fúrias de suas águas, 
os mistérios, os encantamentos!
Mitologia tem essa magia,
nos faz sentir as coisas ocultas 
que nem foram possíveis serem provadas,
aí virou essa grande fascinação
que envolve pessoas que amam 
sentir e perceber o que não dá
para definir em palavras,
aí ficam as inventadas desde o principio
até o fim!

Ivone.